Operação Corpus Christi dá cumprimento ao decreto que fecha praias e balneários

0
50

Vários órgãos estaduais atuam na ação que ocorre, até domingo (14), em Salinópolis, Mosqueiro e Barcarena.

 

Para prevenir a proliferação da Covid-19, desde as primeiras horas da manhã desta quinta-feira (11), quando é comemorado o feriado religioso de Corpus Christi, agentes do Detran, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros montaram barreiras de fiscalização no acesso das praias do Atalaia, Farol Velho, Maçarico e Corvina, em Salinópolis, um dos locais mais procurados nas férias escolares e feriados. O mesmo aparato foi feito, também, nas praias de Mosqueiro, distrito de Belém, e Caripi, em Barcarena. A operação, que ocorrerá até o domingo (14), é coordenada pela Secretaria de Segurança pública e Defesa Social do Pará (Segup).

A ação se baseia no Decreto Estadual nº 800, que contém as medidas para manter o isolamento social no combate à proliferação da Covid-19. Entre elas, está a determinação do fechamento de praias, igarapés, balneários, clubes e similares, além da suspensão do transporte coletivo intermunicipal por meio rodoviário ou hidroviário.

Barreiras de fiscalização estão nos acessos das praias do Atalaia, Farol Velho, Maçarico e Corvina, em SalinópolisFoto: DivulgaçãoAo todo, 1.200 servidores estão empregados em toda a operação, entre agentes do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp), Grupamento Fluvial (Gflu), Corpo de  Bombeiros, Polícia Civil, Polícia Militar, Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos (Arcon), Defesa Civil e Departamento de Trânsito do Estado (Detran).

“Nós trabalhamos conjuntamente para hoje deflagrar essa operação, que conta com ações de ostensividade, de prevenção e de orientação à população, desde a saída da Região Metropolitana de Belém, até nos balneários e praias” – Rômulo Rodovalho, secretário adjunto Operacional da Segup.

Ação conta ainda com o apoio do Graesp, Grupamento Fluvial, Polícia Civil, Arcon e Defesa CivilFoto: DivulgaçãoSanções – Além das ações ostensivas e preventivas no combate à criminalidade, a operação também vai dar orientações sobre o cumprimento do decreto governamental.

“Caso haja necessidade, vamos aplicar advertências e multas tanto para pessoas físicas, quanto para pessoas jurídicas. Infelizmente, o momento ainda exige cautela e consciência da população paraense, pois o vírus ainda circula entre nós, tanto na capital quanto no interior”, enfatiza o secretário.

Polícia Militar e Detran agem para evitar aglomeraçõesFoto: DivulgaçãoO decreto proíbe aglomerações e determina a adoção das medidas de higiene pessoal e do uso de máscara para conter a proliferação da Covid-19. Também dispõe sobre as penalidades em caso de descumprimento das determinações, que incluem multa diária de até R$ 50 mil, embargo ou interdição de estabelecimentos e até prisão por desobediência.

REFORÇO

A Polícia Civil está com reforço e funcionamento 24 horas nas seguintes delegacias: Cremação, Marambaia, Icoaraci, Marituba, Mosqueiro, Outeiro e Benevides. O Corpo de Bombeiros faz orientação nas praias e balneários sobre as determinações do decreto governamental. A Polícia Militar – que também atua para evitar aglomerações – e o Detran estão com barreiras nas vias de acesso a praias e balneários. O GFlu está fiscalizando portos da Região Metropolitana de Belém, com apoio da Arcon, e também praias e balneários.

site do café

DEIXE UMA RESPOSTA

Avalie*
Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui