Mesmo com decreto e proibição, praias de Salvador registram aglomeração no fim de semana

0
89

Vendedores e banhistas foram flagrados em praias de Salvador, no domingo (13), descumprindo o decreto da prefeitura que proíbe o uso desses locais aos fins de semana. O acesso foi proibido em 24 de fevereiro e liberado em 3 de maio, mas somente em dias úteis.

Em São Tomé de Paripe, barracas foram montadas e um grupo de pessoas organizou uma partida de futebol. Poucas foram vistas utilizando máscaras e respeitando o distanciamento social necessário em meio à pandemia.

Partida de futebol foi realizada na praia de São Tomé de Paripe, no domingo, mesmo com proibição — Foto: Reprodução/TV Bahia

Partida de futebol foi realizada na praia de São Tomé de Paripe, no domingo, mesmo com proibição — Foto: Reprodução/TV Bahia

Na praia da Ribeira também houve desrespeito ao decreto, com pessoas no mar e na faixa de areia, e sem usar o acessório de proteção. Nas duas praias não foram vistos agentes da Guarda Civil Municipal, responsável pela fiscalização.

O órgão informou que 80 agentes atuaram na fiscalização na orla de Salvador, de São Tomé de Paripe até a Praia do Flamengo – cerca de 50 km de orla – e não recebeu nenhuma notificação de praias aglomeradas no final de semana.

Banhistas e vendedores utilizaram praias de Salvador no final de semana, mesmo com proibição — Foto: Reprodução/TV Bahia

Banhistas e vendedores utilizaram praias de Salvador no final de semana, mesmo com proibição — Foto: Reprodução/TV Bahia

DEIXE UMA RESPOSTA

Avalie*
Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui